segunda-feira, 9 de junho de 2008

Cidinha da Silva lança livro em Salvador

.

Você me deixe, viu? Eu vou bater meu tambor!


Entre crônicas e mini-contos, o novo livro de Cidinha da Silva nos leva para o conflituoso mundo humano que gira em torno da sexualidade, do amor e do corpo.

O lançamento do livro Você me deixe, viu? Eu vou bater meu tambor! acontece no dia 12 de junho, quinta-feira, às 18hs na Fundação Pedro Calmon.

Composto por 25 histórias curtas centradas em dois temas: o amor e a solidão, o livro é uma boa pedida de leitura ou presente para o Dia dos Namorados.

Pequenas histórias contadas por personagens femininas, que divagam sobre os relacionamentos amorosos, com uma acidez peculiar, mas também com gotas de lirismo e, em um ou outro texto, com humor. Relações aplacadas, inacabadas, conflituosas, são esquadrinhadas por Cidinha, que mais uma vez nos oferece a possibilidade de nos (re)visitar a partir da arquitetura que construímos nas moradias efêmeras do outro.

O lançamento em Salvador contará também com a realização da oficina “Literatura negra, caminhos de escritura e editoriais”. O objetivo desse trabalho é discutir a produção contemporânea de escritoras negras brasileiras, principais temas abordados nas obras, processo criativo e possibilidades editoriais adotadas por elas.

Prefaciado pela professora doutora Maria Nazareth Soares Fonseca, professora de Literatura da PUC Minas, apresentado, na orelha, pelo cineasta Jeferson De, e ilustrado sob a pena da artista Lia Maria, Você me deixe, viu? Eu vou bater meu tambor! (Mazza Edições, Belo Horizonte, 2008) é timbrado pela ironia requintada, leveza e sonoridade, fazendo-nos nos lembrar, vez por outra, a sonoridade de alguns poetas africanos.

Com lançamento nacional iniciado em março, a escritora Cidinha da Silva já percorreu as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre... (Divulgação)

Sobre a escritora

Nascida em Belo Horizonte, Cidinha da Silva é historiadora, diretora do Instituto Kuanza, escreve ensaios e histórias curtas. Publicou artigos relacionados à temática das relações de gênero e raciais e é autora dos livros Cada tridente em seu lugar (2006, 2ª edição), Ações afirmativas em educação: experiências brasileiras (2003, 3ª edição), entre outros. (Divulgação)


..................................................................

Ficha 1 (Lançamento)

O que: Coquetel de Lançamento do livro
Você me deixe, viu? Eu vou bater meu tambor!

Quando: 12 de junho – quinta-feira - 18 horas
Onde: Fundação Pedro Calmon - Praça Thomé de Souza, Palácio Rio Branco, Salvador-Ba
...................................................

Ficha 2 - Oficina

O que: Oficina
Literatura negra, caminhos de escritura e editoriais

Quando: 13 de junho – sexta-feira, 10 horas
Onde: Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra (CDCN) - Rua Ribeiro dos Santos, nº42, Carmo, Pelourinho.

Contatos:

ligiavillas@gmail.com ; cidinha.tridente@ gmail.com
(71)3241-4291 / (71) 9124-6771 / (71) 9609-0106 (Divulgação)
..............................................

E aí, negadinha,vamo lá, então!?
Não precisa dizer que é tudo nosso, né?

Vou chamar o Landê, o Giovane, o limeira, a Jocélia e, principalmente,
meus alunos (e ex) da UCSal....

Mas não se procupe, você vai receber seu e-mail também!

Cidinha, seja Bem-Vinda, irmã!!


Nelson Maca - Blackitude.Ba
Assim Segue a Saga da Conferação dos Nagôs, Negrozzzzz!!


3 comentários:

Luciana Matias & Aspri RBF disse...

Eita mais que delícia,heim!Vontade de estar aí tbm...
Bom passar por aqui e encontra novidades,estive distante por um tempo,necessário, diga-se de passagem,mas estou voltando cheia de notícias tbm,aguarde,,rsrs.
A confederação tá precisando afunilar,Minas está te esperando por aqui...
Asé irmão!
Luciana Matias

Blequimobiu disse...

Iê Iê!

Nelson Maca disse...

É só a Voz chamar!
E o corpo segue a sina!!

Salve Luciana!
Salve Aspri!
Salve Bléquimobil!

One Love!